quinta-feira, 7 de julho de 2016

PORTUGAL QUE SE FÔDA

PORTUGAL QUE SE FÔDA
Dizem que o CR 7 disse ao JM, marcas tu o penalti, se falhares e perdermos que se Fôda.
Não sou dado a futebóis porque o País devia ser muito mais importante que os 22 morcões que passam 90 minutos a tentar meter uma bola num “buraco” de largura tão elevada.
Desconheço a verdade dos factos, mas se assim foi que se fodesse mesmo.
 “Governo apertado com sanções e carta a Juncker”
«Governo? Que governo? O Juncker é que manda em Portugal».
“Caixa Geral de Depósitos tem um desvio de três mil milhões de € “
Quem vai pagar? Os mesmos (contribuintes) que estão a pagar o BES, BPN, BPP, BANIF, Novo Banco, e outros que desconhecemos
Mota – dono da Mota Engil- paga 6 milhões de euros para não ser acusado de fraude fiscal no valor de 32,2milhões de euros
Entretanto, esse mesmo Fisco é cobrador de impostos da Monta Engil.
Denunciados à mais de um ano As Finanças continuam a serem os cobradores da ASCENDI, cujo dono é a Mota Engil.
À luz do Código Civil, as Finanças são coniventes com as mesmas fraudes.
A questão é que a Mota Engil é o empregador dos políticos incompetentes e corruptos.
“Fisco chamou 160.377 trabalhadores independentes a pagar por conta o IRS”
«O Pagamento por conta fundamenta-se nos rendimentos do ano anterior.
O Fisco entende que o trabalhador vai ter os mesmos rendimentos em 2016, iguais aos dos 2014 e obriga os contribuintes a subsidiar o Estado, ainda que o contribuinte esteja no desemprego, doente, ou até, imagine-se, falecido.
O inventor desta cretinice foi Manuel Ferreira Leite que já declarou que se enganou e este “imposto” não tem qualquer justificação ou fundamento constitucional.
Entretanto o Fisco não reembolsa os que os contribuintes pagaram a mais a mais»
Entretanto o senhor Mota, lá continua, sem ser julgado porque vai pagar 6 milhões o que faz presumir que a sua dignidade só vale 6 milhões.
Sou “pobre”, mas a minha dignidade vale muito mais, NÃO TEM PREÇO.
“Condenada por obter apoio para empresa que nunca criou”.
“Técnico do IEFP também foi condenado”.  
«O problema no IEFP (INSTITUTO DE EMPREGO FORMAÇÃO PROFISSIONAL) são os “engates” da parte deles e da parte delas. Depois usam a Instituição para pagar as benesses aos seus amigos e amigas. Entretanto os contribuintes pagam estes desmandos enquanto 40% dos desempregados recebem menos de 400€ do Fundo de desemprego»
“Gangue “la Família” contactava no Facebook”
«Zaza, tinha um “amigo” de Lille - França, nascido na Costa do Marfim, de seu nome Daniel Kambou? relacionado com o narcotráfico e outras actividades ilícitas.
Denunciado em Portugal, desconhece-se o que aconteceu, em França parece-me que se encontra referenciado pela Interpol.
Entretanto a Loulou lá continua com este tipo de amizades.
VIOLÊNCIA SOBRE AS CRIANÇAS
Menino baleado pelo pai.
Mãe mata recém-nascido de 4 dias e atira-o para uma mata.
Mãe comete infanticídio seguido por suicídio, por imolação dentro de um automóvel.
Mãe comete infanticídio e tentativa de suicídio por afogamento.
Empresário julgado por abusar da filha e da neta.
Criança de 14 anos institucionalizado na Santa Casa da Misericórdia, misericordialmente foi espancado, asfixiado, incinerado pela mãe (32 anos) da namorada (12 anos) e pelo “amigo” (19 anos) da mãe da namorada.
Tesoureiro “amigo” da mãe de duas crianças foi condenado por as violar.
Pai paga 600€ de Pensão de alimentos, enquanto o seu filho dorme na Sala de Jantar, porque a mãe tem de sustentar um proxeneta.
Entretanto, há crianças entregues a doentes mentais, mas dizem eles que os casos estão “referenciados.” Será que Be para os amigos íntimos também estará referenciada?
“Matou o marido à machadada- Agora acusa o morto de violência doméstica”.
«A violência doméstica também serve para ilibar os criminosos e as criminosas»
LILIANA AGUIAR, que não sei quem é, foi condenada por agressões à ex. mulher de Oliveira Costa, que também não sei quem é, mas comunicação social ocupa uma página na divulgação do caso, como se ele fosse a “bem da Nação”
Os acontecimentos descritos tiveram lugar durante o decorrer do Europeu de Futebol de 2016, portanto em um mês.
Entretanto os craques e os analíticos da bola dizem.
“Nada nos tira esta grande ambição” – Fernando Santos treinador da selecção portuguesa.
«Ambição de quem? Dele? Minha não é de certeza absoluta».
“Um País em estado de graça”  
«Com mais de meio milhão de desempregados e um milhão abaixo do limiar de pobreza, onde está a graça?»
«Se a graça se referir ao engraçado, o que nos faz rir, confesso que não acho graça alguma»

PORTUGAL QUE SE FODA!!! OS PORTUGUESES NÃO MERECEM MELHOR.