segunda-feira, 22 de julho de 2013

PRIAPISMO

O PRIAPISMO

Em termos médicos, priapismo é a persistência dolorosa da erecção não relacionada com a actividade sexual.
Pode estar associada à anemia das células falciformes, à leucemia granulocítica crónica, a lesões medulares ou em consequência dos efeitos laterais de fármacos.
É considerada como uma doença secundária à coagulação do sangue dentro da rede vascular do pénis.
Define-se como uma erecção forte, persistente e anormal.
Não sendo muito entendido em teologia e ou mitologia grega sabe-se que o termo provem de Priapo.
Priapo ou Priapus, era filho de Baco e de Vénus.
Na Grécia Antiga, Priapo foi deus dos jardins, das vinhas e das gerações.
Segundo reza a lenda, Priapo era um devasso libertino, que passava a vida a fecundar tudo quanto surgia na sua frente do tipo Berlusconi.
Indo mais longe, presumo haver muitas semelhanças de Priapo com a maioria dos políticos que "gerem" os Países da União Europeia, com o Banco Central Europeu, com o Fundo Monetário Internacional e com a comissão europeia que nos últimos dez anos, ás ordens dos alemães e da senhora Ângela, mais não têm feito que "fecundar" profundamente os cidadãos ditos Europeus.
Ainda há bem pouco tempo tivemos vários doentes que demonstrando uma virilidade exacerbada, de pénis em riste, de rompante e até com muita violência sodomizaram todos os seus concidadãos.
Decorridos quatro anos de tortura, os médicos concluíram que os ditos eram portadores da doença.
Foram submetidos a vários tratamentos, o último dos quais de choque.
O priapismo foi-se reduzindo e a erecção diminuindo. Esperamos que sejam demitidos das funções.
A moral da doença aplicada a esta história:
Em terra de bananas quem tem a maior não é o rei.
A erecção não é sinónimo da cabal função do órgão.
Também ficamos a saber que a erecção frequente não é sinónimo de virilidade e que até pode ser uma patologia muito grave.
O senhor primeiro ministro deve ter muito "cuidado" porque a sua virilidade pode ser sinónimo de doença e voltar a ser substituída pelos mercados económicos.
Não acreditem em boatos quanto ao vice e preparem-se para serem fecundados durante mais quatro anos caso não seja derrubado.


domingo, 21 de julho de 2013

OS VAMPIROS VERSUS OS "MERCADOS" OU A TROIKA

NA POLITICA PORTUGUESA FALA-SE DIARIAMENTE QUE É MANDATÓRIO ESTABILIZAR O DEFICIT PARA QUE PORTUGAL POSSA IR AOS MERCADOS.
ENTRETANTO SÃO OS PRÓPRIOS POLÍTICOS QUE NA ÂNSIA DE PODER MEDÍOCRE DESESTABILIZAM A POLITICA PORTUGUESA.
QUANDO HÁ DESESTABILIZAÇÃO POLITICA OS JUROS DA DIVIDA PUBLICA PORTUGUESA SOB NOS DITOS "MERCADOS".
OS "MERCADOS" SÃO LOCAIS ONDE SE VENDE E SE COMPRA.
DESCONHECE-SE O QUE É QUE OS POLÍTICOS PORTUGUESES QUEREM COMPRAR OU VENDER MAS PRESUME-SE QUE QUEREM COMPRAR MAIS FINANCIAMENTOS, NÃO PROPRIAMENTE CEBOLAS, AUMENTANDO AINDA MAIS A DEPENDÊNCIA E A DIVIDA DO PAÍS PARA A QUAL SE PREVÊ UM "BURACO" DE MAIS 5,5 MIL MILHÕES DE EUROS NO PRÓXIMO ANO.
A TROIKA, COMPOSTA PELO BANCO CENTRAL EUROPEU COM SEDE NA ALEMANHA, O FUNDO MONETÁRIO INTERNACIONAL, E A UNIÃO ECONÓMICA EUROPEIA, CONTINUAM A CONTROLAR A ECONOMIA IMPONDO REGRAS ECONÓMICAS GRAVES QUE TEM "ATIRADO" COM MILHÕES DE PORTUGUESES PARA O DESEMPREGO, FOME, MISÉRIA, IMPEDINDO QUE PORTUGAL SEJA UM PAIS DEMOCRÁTICO, LIVRE E INDEPENDENTE.
ALÉM DO "BURACO" FINANCEIRO PROVOCADO PELOS BANQUEIROS NO BANCO PORTUGUÊS DE NEGÓCIOS E ONDE ESTAVAM E ESTÃO ENVOLVIDAS FIGURAS PÚBLICAS, AS FINANÇAS PORTUGUESAS PAGARAM AO BANCO BIC (COMPRADOS PELOS ANGOLANOS) 22 MILHÕES DE EUROS, COM DINHEIRO PROVENIENTE DOS IMPOSTOS PAGOS PELOS PORTUGUESES. NO ENTANTO, A FACTURA DO DÉBITO CONTINUA A SUBIR E PODE ATINGIR OS 158 MILHÕES.
O BANCO BANIF, OUTRO BANCO PORTUGUÊS FALIDO, TEM VINDO A SER SUSTENTADO COM O DINHEIRO DOS IMPOSTOS PAGOS PELOS PORTUGUESES.
EM PORTUGAL EXISTEM 11 BANQUEIROS QUE SÓ EM 2011 RECEBERAM EM MÉDIA 1,6 MILHÕES DE EUROS CADA UM ENQUANTO QUE O POVO É ESCRAVIZADO, OS SUICÍDIOS E HOMICÍDIOS AUMENTAM DIARIAMENTE.
DO ANTERIOR RELEMBRO ZECA AFONSO, CANTOR PORTUGUÊS DE INTERVENÇÃO.    

sábado, 13 de julho de 2013

SER PORTUGUÊS É

Hoje foi-me presente uma descrição cômica sobre o ser-se Português que no meu entender carateriza bem o Povo do qual infelizmente faço parte e a qual não me inibo de transcrever.
Diz assim:
SER PORTUGUÊS É:
  1. Levar arroz de frango de cabidela para a praia.
  2. Guardar cuecas velhas para limpar o carro.
  3. Enfeitar as estantes da sala com prendas de casamento.
  4. Utilizar os máximos dos faróis do carro para avisar os outros automobilistas da proximidade da policia.
  5. Exigir ser tratado por Doutor (DOC) mesmo sendo analfabeto (Exemplo: O Relvas e Sócrates).
  6. Passar os Domingos e feriados a passear nos Centros Comerciais.
  7. Retirar cera dos ouvidos com a chave do carro ou com a tampa das canetas de preferência da BIC.
  8. Ver diariamente oito ou mais telenovelas brasileiras na televisão.
  9. Batizar os filhos, obrigá-los a ir à catequese mesmo não sendo católicos ou frequentar a Igreja.
  10. Casar pela igreja católica ao sim da marcha nupcíal não sendo católico nem entendendo nada de música.
  11. Não ser racista mas "odiar" os ciganos.
  12. Admitir piadas dos brasileiros sobre os portugueses e só dizer piadas sobre os alentejanos.
  13. Conduzir sempre pela facha da esquerda ainda que em Portugal seja obrigatório conduzir pela facha da direita.
  14. Ter no minimo três telemóveis de redes diferentes.
  15. Deixar as telenovelas a gravar.
  16. Ter uma tendência mórbida, porque é chique, para passar férias no Algarve.
  17. Dizer "prontos" no fim de cada frase.
  18. Cuspir para o chão.
  19. Buzinar dar sinais de luzes e fazer gestos obscenos contra os condutores que seguem na sua frente.
  20. Urinar em qualquer canto da via publica.    


sexta-feira, 12 de julho de 2013

MEGALOMANIAS

Megalomania é um transtorno PSICOLÓGICO definido por delírios e fantasias de poder, relevância ou omnipotência
Caracteriza-se por uma exagerada auto-estima das pessoas nas suas crenças e ou nos seus poderes.
Integra-se no grupo de "MANIAS" das doenças psiquiátricas.
Portugal atravessa um período de campanhas pré eleitorais às autarquias ou municipios que em Inglês se designam de Town Hall, ou City Council.
Portugal deve ser, suponho, o País da Europa com o maior numero de Town Hall (308 municípios), por habitante.
É do conhecimento Mundial que Portugal atravessa uma crise económica e politica muito grave e se encontra em grave recessão económica.
Tem um milhão de desempregados dos quais a maioria são jovens licenciados, famílias, onde se inclui crianças, a passar fome, a população activa se encontra sobrecarregada de impostos e onde foram instituídas as SOPAS SOLIDÁRIAS. 
Portugal tem dificuldades em pagar aos credores, encontra-se sob a protecção e intervenção do BCE, UE e FMI, 
Pese embora este quadro "negro" os candidatos às ditas Town Hall, prometem "obras" megalomanas, transportes, habitações, ensino, infantários e etc. gratuitos.
A última promessa vem do candidato à Town Hall de Espinho.
Espinho é uma pequena cidade junto ao mar que dista 20 Km do Porto, 20 Km de Aveiro, 80 Km de Coimbra e outros tanto de Braga. Cidades onde existem toda Universidades e as suas correspondentes Faculdades. 
Então diz o candidato ao Town Hall que tem um projecto que já está formalizado para instalar uma Universidade na Cidade de Espinho e que no momento actual está à espera da acreditação por parte do Ministério da Educação.
PERCEBEM?
NEM EU!
Mais gastos desnecessários, mais jovens para o desemprego, mais licenciados não se sabe ainda em quê nem para quê.
A QUESTÃO É QUE ESTES "GAJOS" CONTINUAM ALEGREMENTE A ENGANAR O POVO E NÃO SÃO RESPONSABILIZADOS. 



segunda-feira, 8 de julho de 2013

A UNIÃO EUROPEIA E AS UNIÕES DE PAÍSES.

Certo dia, não recordo quando, durante a noite e enquanto dormia "aconchegado" à sua esposa, o senhor Jacques, tentou mais uma união "daquelas" que são inerentes à reprodução.
Presumo que a esposa do senhor Jacques não se encontrava disponível para o ato.
Incomodado, o senhor Jacques passou a noite sem dormir, a pensar e a ruminar como devia fecundar os cidadãos europeus
Vai daí o homem pensou e inventou a União Europeia, que presumia vir a ser idêntica à dos ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA, ou à UNIÃO SOVIÉTICA.
Mas o senhor Jacques esqueceu que os ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA, é composto por indivíduos que embora provenientes de Países diferentes, falam a mesma língua, adaptam-se à mesma cultura, tem uma economia e um exercito comum.
Esqueceu ainda que a UNIÃO SOVIÉTICA,  manteve uma união de Estados pela força das armas e pela construção do MURO.
Os povos que a constituíam tinham culturas, línguas, costumes, história diferentes dos Russos ainda que a moeda, a economia fossem iguais, determinadas e decididas em MOSCOVO.
Após vários episódios de revoltas e contra revoltas chegou o dia em que toda a UNIÃO ruiu, resultando a "liberdade" dos povos subjugados.
 Em alguns casos, as "independências" terminaram em crimes de guerra, assassinos em "massa" violadoras dos direitos humanos, como aconteceu na ex Jugoslávia.
Relembro este dois casos por serem recentes pese embora a história nos dizer que os Impérios são efémeros porque os povos rejeitam serem subjugados.
A União Europeia constituída por povos com linguística, cultura, mentalidade, desenvolvimento e passado histórico que em nada se relacionam como a Alemanha, Áustria,BélgicaBulgária. Chipre, Dinamarca, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estônia, Finlândia, França, Grécia, Hungria, Irlanda, Itália, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Países Baixos (Holanda), Polônia, Portugal, Reino Unido, República Tcheca, Romênia e Suécia. acabará, também ela, por ruir quando os Povos descobrirem que os alemães não ganharam a guerra pela força das armas mas estão a ganhar pela força do €, ou seja pelo seu poder econômico.
Ora sabemos que o poder econômico está centralizado no Banco Central Europeu, em Berlim, que quem manda na economia europeia é a senhora Ângela MERKEL, que através do Marco alemão, ora chamado €, fez com que os países se endividassem.
Os alemães querem o seu dinheiro de volta, o que se entende por um direito legitimo mas os juros exorbitantes praticados levam as famílias á ruína, à fome, à miséria, ao suicídio, ao homicídio, aos crimes econômicos, às burlas, ao enriquecimento ilícito, à destruição total dos Povos e das Nações como o equivalente da SOLUÇÃO FINAL, na qual os alemães são peritos.
Os cidadãos, "comandados" por políticos corruptos, que não são julgados pelos crimes econômicos, como foi em Itália o senhor Berlusconi, vivem em campos de concentração dentro dos seus próprios Países, até ao dia da revolta que esperemos que seja breve.

PERGUNTA-SE QUAL É AFINIDADE ENTRE CIDADÃOS QUE NÃO FALAM A MESMA LÍNGUA, NÃO TÊM OS MESMOS OBJETIVOS, A MESMA CULTURA E A MESMA HISTÓRIA?
EM PORTUGAL NÃO FOI PERGUNTADO AOS PORTUGUESES SE QUERIAM ADERIR À UE E  OU AO EURO.
OS CROATAS oriundos de uma união de Republicas (RUSSAS), conhecendo bem o que sofreram durante mais de 50 anos, sentem-se felizes, dizem, por serem agora admitidos na UNIÃO EUROPEIA.
Libertaram-se da dependência dos RUSSOS e tornam-se dependentes dos ALEMÃES.
Dificilmente se entende qual é a felicidade, o objetivo e o interesse da troca.
Alguns dizem que é a democracia.
Eu digo que não há pior ditadura do que a do dinheiro.
A democracia não se põem na mesas e as crianças comem pão.
OS CROATAS DESCONHECEM O LAMAÇAL ONDE SE VÃO METER.
DESEJO-LHES AS MAIORES FELICIDADES COISA QUE NÃO EXISTE EM PORTUGAL.

  
 

domingo, 7 de julho de 2013

OS " JOTINHAS" - ESTES SÃO OS POLÍTICOS QUE GEREM PORTUGAL





Repare-se nas figuras à nossa Esquerda. São todos jotinhas do Centro Democrático Social. Partido Popular. (CDS-PP). 
Nada tem de democrático, nem de social e muito menos de Popular.
A primeira figura que se vê na imagem é o Ex Ministro dos Negócios estrangeiros que viaja de lado para lado e não faz negócios nenhuns segundo se consta.
O único negócio que fez foi o dos submarinos com graves problemas para a economia de Portugal, em beneficio da Alemanha e que ainda não se sabe como terminou.
Este simpático menino foi o mentor da crise que abaixo se descreve, porque queria e é ser vice Primeiro Ministro.
Ora, é do conhecimento publico internacional que Portugal é um País muito rico e que por tal motivo se pode dar ao luxo de ter dois Primeiros Ministros.
Agora atente-se nas figurinhas da Direita. São os jotinhas do Partido Social Democrático (PSD), que também e como o anterior de democrático nada tem.
A primeira figura é o dito Pedro Passos Coelho, eleito Primeiro Ministro mas que de Primeiro nada tem porque quem manda atualmente é o tal vice.
A designação de jotinhas, para que desconhece, são meninos normalmente provenientes das aldeias mais remotas de Portugal, que nunca trabalharam, não sabem o que são as agruras da vida, que se inscreveram nos partidos políticos ainda muito jovens e daí os JOTINHAS.
Assim, em Portugal há juventude socialista (jotinhas socialistas) juventude comunista (jotinhas comunistas) juventude social democrática (jotinhas democratas) e juventude centrista (jotinhas centristas)
Vistas de uma forma isenta podemos afirmar que estas juventudes tiveram a sua origem na juventude Hitleriana e que em Portugal, antes do 25 de Abril de 1974, se denominava Mocidade Portuguesa. 
Ora, são este "meninos" tão simpáticos e tão "queridos" dos Portugueses que "gerem" dizem eles, o País.
O Gaspar, ex Ministro da economia, depois de lançar mais de 75% dos seus concidadãos para o desemprego, (só em dois anos foram 460 mil) miséria e fome, ter aumentado os impostos de uma forma assustadora, aumentou o déficit de 5,9% para 6,4%, a recessão para 2,3%, a divida publica de 101,7% para 123%, ausentou-se para parte incerta.
Vai daí o governo substitui  Gaspar pela Maria.
A Maria está sob inquérito que em Portugal não passa disso mesmo, de inquérito, em consequência das SWAP, que os portugueses não sabem lá muito bem do que se trata mas que se presume que foi uma negociata entre os bancos e os governos do gênero BPN em que o pais perdeu 3.000 milhões de € e que pode chegar aos 6.000 milhões de €.
Todos os dias 20 famílias pedem ajuda à câmara de Guimarães, 59 pessoas foram assassinadas.
O Menezes, ex autarca da câmara Vila Nova de Gaia, que é a autarquia mais endividada do Pais, ora candidato à câmara municipal do Porto diz que vai "DAR" milhões de € para a reconstrução do mercado do Bolhão, mais "milhões" em transportes públicos gratuitos, quando todos os portuenses sabem que o metropolitano do Porto tem um prejuízo de 600 milhões, mais uma quantidade infinita de milhões para livros escolares gratuitos, mais milhões para professores de Atividades Extra Curriculares (AEC) quando o governo quer enviar para o desemprego milhares de professores.
Diz ainda que quer apoio de milhões da QREN, que não sabemos de que se trata, para dar 50% , não diz a quem, para gestão de espaços públicos e requalificar o Bairro de Santa Luisa. Etc..
O MILHÕES.
Há memoria de um cidadão do Porto que inserido nas tropas Francesas combateu os Alemães na Primeira Guerra Mundial.
Constava-se que esse Português matou MILHÕES DE ALEMÃES, foi condecorado com a Cruz de Guerra de 1ª Classe e passou a ser conhecido pelo MILHÕES.
Atualmente temos o MENEZES - O MILHÕES, neste caso não por matar alemães mas por DAR MILHÕES DE €.
SURREALISTA.

MAS vamos à cronologia dos RAPAZIADA.

dia 01.07.2013.
12 h. A secretaria de Estado Maria, explica aos jornalistas o seu envolvimento no caso dos contratos SWAP.
17 h. O Gaspar, conceituado economista a nível Mundial, tenho pena do Mundo, que levou Portugal a um beco sem saída, demite-se
17,30 h A Maria é anunciada com substituta do Gaspar.
21 h O CDS, partido da coligação, comenta a demissão do Gaspar.
22 h São revelados os nomes dos novos secretários de Estado das Finanças Portuguesas.

Dia 02.07.2013
12 h Poiares Maduro, alguém conhece?, diz que a escolha da Maria tem custos políticos.
15,25 h Depois desta grande "palhaçada" o senhor Presidente da Republica afirma que não derruba o governo, GOVERNO?
16 h O Paulo, apresenta a sua demissão e afirma que é irrevogável.
18,30 h o Passos diz que não se demite.

COM ESTA BRINCADEIRA OS JUROS DA DIVIDA PORTUGUESA SOBE PARA 6,78% E PORTUGAL PERDE 6.300 MIL MILHÕES DE €.
OS BANCOS PORTUGUESES (BCP; BES; BPI) PERDEM NUM SÓ DIA 250 MILHÕES DE €.

Dia 03.07.2013
13,30 h, Cristas, ministra não se sabe bem de quê, coloca o seu lugar à disposição no Partido, mas diz que não se demite do governo. "TACHO É TACHO" para ser mantido.
16,30 h Seguro vai a Belém "falar" com o Presidente da Republica a pedir eleições antecipadas e na volta compra uns pastelinhos de Belém, que são muito bons, para levar para a esposa e filhos.
17 h O senhor Passos em Berlin dramatiza as consequências da crise politica já de si dramatizada.
21,30 h O senhor Passos  e o senhor Paulo vão a Belém fazer mais umas "queixinhas" ao Presidente da Republica, que mais uma vez nada decide.

Dia 04.07.2013
11 h o senhor Passos e o senhor Paulo reúnem-se.
17 h O senhor Passos vai mais uma vez falar co o senhor Presidente da Republica e participa numa reunião do Conselho Superior de Defesa, que se pergunta o que é?
Portugal já não é dos Portugueses.
Portugal é dos mercados, dos credores, do FMI, do BCE, 
Quem Manda é a Troika e a senhora MERKEL (desconheço se é assim que se escreve)
Ora, portanto o CONSELHO SUPERIOR DE DEFESA não tem razão de existir porque já não defende nada.
18,45 h o senhor Passos declara aos jornalistas que a demissão do senhor Paulo é uma decisão pessoal e não partidária.

Dia 05.06.2013 
15.30 h o senhor Paulo vai a Belém falar, mais uma vez, com o Presidente da Republica, e na volta, também compra uns pastelinhos.
18.11 h o senhor Presidente da Republica recebe mais uma vez o senhor Passos que lhe transmite que já   se reconciliou com o senhor Paulo e que portanto já não há divorcio. 

Dia 06.06.2013.
19,40 O senhor Passos diz ao País que se reconciliou com o senhor Paulo, que já não há divorcio e que o senhor Paulo agora é VICE PRIMEIRO MINISTRO - Atentem bem! VICE PRIMEIRO MINISTRO.

Conclusão:
Nunca se venderam tantos pastelinhos de Belém.
Há divórcios porque há casamentos
Nos divórcios quem se F...são sempre os filhos, no caso em apreço são os Portugueses que vão ser mais uma vez sobrecarregados com impostos.
Os meninos das jotas deviam responder criminalmente por delapidarem o erário publico.
O Gaspar devia ser acusado pelo Ministério Publico pelo crime de burla agravada e os seus bens serem confiscados até à 5ª geração.

AS FORÇAS ARMADAS DEVIAM SEGUIR O EXEMPLO DO EGITO.

TENHO VERGONHA DE SER PORTUGUÊS E VIVER NESTE PAÍS MAS NÃO POSSO EMIGRAR PORQUE JÁ NÃO TENHO IDADE PARA O FAZER E TENHO UM FILHO COM 12 ANOS.

PERGUNTO:
                  HAVERÁ AINDA ALGUM ATRASADO MENTAL COM DINHEIRO QUE QUEIRA INVESTIR NESTE PAÍS ENQUANTO FOR GOVERNADO POR ESTES MENINOS?

QUE VERGONHA!!!!!!!!!!!!!!